noticias-corporativas

Motivos para viajar para o Mato Grosso do Sul

Entre os atrativos é possível citar Bonito, Pantanal, Campo Grande, Dourados, Jardim e Costa Rica.

Curitiba, PR 20/9/2021 –

Entre os atrativos é possível citar Bonito, Pantanal, Campo Grande, Dourados, Jardim e Costa Rica.

O Mato Grosso do Sul reserva boas surpresas para quem quer unir natureza, aventura, passeios históricos e culturais. Além de uma culinária incrível, há muitas opções de artesanato e turismo religioso. O que não faltam são atrações para todos os públicos e gostos. Por exemplo:

Bonito

Não tem como falar de Mato Grosso do Sul, sem mencionar Bonito, um dos melhores destinos de ecoturismo no Brasil.

As flutuações e mergulhos são as principais atrações da cidade. Nesse tipo de passeio, o turista pode contemplar águas cristalinas e os cardumes de peixes. As opções para esse tipo de passeio encontram-se no Rio Sucuri, no Aquário Natural, na Nascente Azul e na Barra do Sucuri.

As grutas também são boas atrações. Na Gruta do Lago Azul, por exemplo, há um lago de águas intensamente azuladas. Já nas Grutas de São Miguel, o visitante poderá vislumbrar diversas formações geológicas, como estalactites e estalagmites.

Por fim, para quem busca destinos de aventura podem ir ao Abismo Anhumas ou na Lagoa Misteriosa e realizar atividades como boia cross e arvorismo.

Pantanal

Declarado pela Unesco como Patrimônio Natural Mundial e Reserva da Biosfera, o Pantanal é considerado a maior planície de inundação contínua do mundo e possui um dos ecossistemas mais ricos e diversos do Brasil.

O viajante terá a oportunidade de conhecer uma enorme variedade de animais, inclusive espécies ameaçadas de extinção e diversos tipos de vegetação da Amazônia, do Cerrado e do Chaco Boliviano por meio de passeios de barco, safári ou com o trem do Pantanal.

Além disso, há também atrativos culturais e de lazer, como o Museu de História do Pantanal, localizado no município de Corumbá.

Campo Grande

Campo Grande, a capital do Mato Grosso do Sul, é um destino que cabe no roteiro de quem deseja fazer um turismo mais urbano. Lá é possível visitar:
– Mercado Municipal;
– Casa do Artesão;
– Museu da Arte Contemporânea;
– Feira Central;
– Parque das Nações Indígenas;
– Parque dos Poderes;
– Aquário do Pantanal;
– Museu Dom Bosco;
– Cachoeiras naturais.

Há ainda as estâncias, as trilhas ecológicas, esportes radicais e cavalgadas. Sem contar, as comidas típicas, como sobá, sopa paraguaia e a chipa.

Dourados

Dourados, a segunda maior cidade do Mato Grosso do Sul, destaca-se quando o assunto é patrimônio histórico cultural. Também é uma opção para quem gosta de turismo religioso. Algumas opções:

– Turismo religioso: Catedral Imaculada Conceição, primeira Capela da cidade, e Santuário Nossa Senhora de Aparecida.
– Passeios históricos e culturais: Cruzeiro, Museu da Colônia Agrícola Nacional de Dourados, Monumento ao Colono, Museu – Histórico e Cultural de Dourados, Vila São Pedro, Galpão das Artes Guaicurus e Reserva Indígena.
– Parques: Parque Antenor Martins, Parque Ambiental e Parque dos Ipês.
– Praças: Praça Antônio, Praça da República do Paraguai e Praça de Imigração Japonesa.

Bodoquena

Bodoquena conta com cachoeiras, cascatas, pontos de mergulho e flutuação, trilhas e paisagens da vegetação, aves e mamíferos. Lá estão, por exemplo, a Cachoeira Boca da Onça, que possui 156 metros de altura e há a opção de fazer rapel. Além disso, é possível visitar as cachoeiras Buraco do Macaco, Poço da Lontra, Garganta da Arara e do Fantasma. E, claro, a famosa Cascata do Jabuti.

Jardim

Na cidade de Jardim os destaques são as Grutas e os rios com águas incrivelmente transparentes:

– Rio da Prata: cheio de peixes, plantas e nascentes que brotam na areia.
– Lagoa Misteriosa: opções de mergulho com cilindro e flutuação com snorkel.
– Balneário do Assis: excelente área para camping.

Ainda, para quem gosta de História e Cultura, é possível conhecer o Museu CER-3 e o Monumento Histórico dos Heróis.

Costa Rica

Em Costa Rica também há boas opções de cachoeiras, como a Cachoeira da Rapadura. Os principais parques são o Parque Estadual Nascentes do Rio Taquari, que possui sítios arqueológicos e o Parque Natural Municipal Salto do Sucuriú, com diversas áreas de lazer, além da Gruta Tope da Pedra e a Capela Senhor do Bom Jesus.

Clube de férias

O Clube Candeias oferece aos associados uma rede integrada com mais de 500 mil opções em hospedagens pelo mundo todo, além de unidades próprias em diversas regiões brasileiras, entre elas a unidade Candeias Guarany, em Bonito, e a unidade Candeias Gold Fish em Corumbá.

Mais informações em https://www.clubecandeias.com/

Website: https://www.clubecandeias.com/

Colunistas

Geek Inclusiva
Geek Inclusiva (8)

Me chamo Alice Caroline, sou deficiente visual, paratleta, apaixonada por atletismo, estudante do ensino médio e amante do mundo geek e dublagem. Inclusão vai além de rampas e placas de escrita braile.

Lemana
Lemana (1)

Centro LEMANA - Lar Espírita Maria de Nazaré, localizado no Macapá-AP. Uma Instituição vinculada a Federação Espírita Brasileira que tem por objetivo principal a prevenção e a posvenção ao suicídio e a assistência aos enlutados e sobreviventes. Existimos desde maio de 2018

Poetas Azuis
Poetas Azuis (4)

Grupo lítero-musical amapaense formado pelos poetas Pedro Stkls e Thiago
Soeiro. Desde 2011 trabalham na divulgação da poesia por meio das
apresentações cênicas e também nas redes sociais. Atualmente o grupo reúne
mais de 100 mil seguidores no Instagram

Publicidade