Artigo

Eu e a ansiedade

Imagem Internet

Então, o que muita gente não sabe é que sofro com ansiedade e eu demorei muito pra saber que o que eu tinha era uma “doença”, que precisa ser tratada com o médico como qualquer outra, porém de um tempo pra cá, estou aprendendo a usar ela ao meu favor, pois estava atrapalhando muito minha vida. Acredito que algumas pessoas pode sofrer com isso e nem sabem o que realmente estão passando, portanto resolvi compartilhar minha experiência, vou falar de alguns “sintomas”  e de como eu realmente me sinto, é bem difícil de expor, mas vou tentar

 

Algumas pessoas ligam ansiedade com “não ter o que fazer”, mas na verdade é uma doença séria e que precisa ser tratada, pois quem possui com essa doença acaba “matando um leão por dia”, pois tem dias que é bem complicado levantar da cama. Atualmente estou conseguindo falar sobre o assunto, meu desejo é poder ajudar as pessoas com ansiedade através do esporte.

 

Será a primeira vez que vou expor o que sinto e o que eu preciso é que meus amigos saibam, pois só quem convive perto é que sabe da luta diária, graças a Deus estou superando e me sentindo melhor a cada dia! Esse texto é meu e marca o início de uma série de textos que escreverei sobre como é viver com a ansiedade e os sintomas que ela apresenta, vou escrever como eu me sinto, mas antes que perguntem, ainda não sei o que realmente ocasionou tudo isso.

 

É difícil falar até mesmo com quem está próximo, até o próximo texto.

 

 

Sou o Yuri Esteves, acadêmico de Ed. Fisica, tenho 30 anos e convivo com o transtorno chamado ansiedade e vou tentar relatar como vivo. Quero tentar ajudar as pessoas que também vivem como eu ou estão em situação bem pior, pois pode vim a se tornar um caso de depressão, se a ansiedade não for cuidada ou acompanhada devidamente por psicólogos ou psiquiatras dependendo do grau que você estiver.

Yuri Esteves

Sou o Yuri Esteves, acadêmico de Ed. Fisica, tenho 30 anos e convivo com o transtorno chamado ansiedade e vou tentar relatar como vivo. Quero tentar ajudar as pessoas que também vivem como eu ou estão em situação bem pior, pois pode vim a se tornar um caso de depressão, se a ansiedade não for cuidada ou acompanhada devidamente por psicólogos ou psiquiatras dependendo do grau que você estiver.

Comentar

Clique aqui para publicar um comentário

Colunistas

Ale Chagas
Ale Chagas (11)

estudante e Kpopera de carteirinha

Geek Inclusiva
Geek Inclusiva (4)

Me chamo Alice Caroline, sou deficiente visual, paratleta, apaixonada por atletismo, estudante do ensino médio e amante do mundo geek e dublagem. Inclusão vai além de rampas e placas de escrita braile.

Aline Brito
Aline Brito (7)

Jornalista, assessora de comunicação, apaixonada pela vida e mãe.

Allison Veríssimo
Allison Veríssimo (1)

Allison Veríssimo das Chagas Lobato, filho de Ailson e Verá, Tucuju com muito orgulho, Bacharel em Direito, lutador de Taekwondo aposentado, aprendiz de poeta e um cômico da vida. Para os íntimos, o Tio Alho, para o mundo, apenas um cara feliz e de bem com a vida.

Hellen Cristine
Hellen Cristine (43)

Jornalista, mamãe do Heitor e amante da vida!

Luciano Bruno
Luciano Bruno (1)

Apaixonado por Marketing, há 5 anos Gestor de Marketing Digital pela SitesWeb e ToT Marketing. Especializado em Anúncios Pagos na Internet. Jogador de Xadrez Nível Ruím. Pai do Luís Otávio!

Yuri Esteves
Yuri Esteves (1)

Sou o Yuri Esteves, acadêmico de Ed. Fisica, tenho 30 anos e convivo com o transtorno chamado ansiedade e vou tentar relatar como vivo. Quero tentar ajudar as pessoas que também vivem como eu ou estão em situação bem pior, pois pode vim a se tornar um caso de depressão, se a ansiedade não for cuidada ou acompanhada devidamente por psicólogos ou psiquiatras dependendo do grau que você estiver.

Publicidade