Polícia

Polícia civil prende mulher condenada por agredir uma criança autista

Na manhã da última quarta-feira, 16, a Polícia Civil do Amapá, por meio da equipe de inteligência da Divisão de Capturas, prendeu uma mulher de 27 anos de idade, condenado pela prática do crime de tortura.

 

A empregada doméstica Fernanda Madureira Carvalho Belo, de 27 anos, foi presa na Rodovia JK, através do cumprimento de mandado de execução penal. Ela foi condenada a pena de 3 anos, 8 meses e 24 dias, pelos crimes de espancamento, tortura física e psicológica, dentre outros, contra uma criança autista. As agressões ocorreram no ano de 2015.

 

À época dos fatos, a mulher era uma das babás da menina e confessou ter desferido tapas no rosto, puxões de cabelos, pontapés e praticar atos libidinosos na frente da criança.

 

A mulher presa foi encaminhada ao Iapen.

Colunistas

Geek Inclusiva
Geek Inclusiva (8)

Me chamo Alice Caroline, sou deficiente visual, paratleta, apaixonada por atletismo, estudante do ensino médio e amante do mundo geek e dublagem. Inclusão vai além de rampas e placas de escrita braile.

Lemana
Lemana (1)

Centro LEMANA - Lar Espírita Maria de Nazaré, localizado no Macapá-AP. Uma Instituição vinculada a Federação Espírita Brasileira que tem por objetivo principal a prevenção e a posvenção ao suicídio e a assistência aos enlutados e sobreviventes. Existimos desde maio de 2018

Poetas Azuis
Poetas Azuis (4)

Grupo lítero-musical amapaense formado pelos poetas Pedro Stkls e Thiago
Soeiro. Desde 2011 trabalham na divulgação da poesia por meio das
apresentações cênicas e também nas redes sociais. Atualmente o grupo reúne
mais de 100 mil seguidores no Instagram

Publicidade